TERROR  EXECUTIVO/LEGISLATIVO 

O EXECUTIVO E O LEGISLATIVO FIRMARAM PACTO DE AGRESSÃO AO DIREITO DE DIVERGIR. COM PRETEXTO DE COIBIR POR ANTECIPAÇÃO EPISÓDIOS TERRORISTAS, ESTÃO A PONTO DE SACRAMENTAR LEGISLAÇÃO QUE ENTREGA À INCLINAÇÃO COERCITIVA DAS AUTORIDADES O PRIVILÉGIO DE DELIBERAR SE DESFILES TRANSGÊNERO SÃO ATOS DE TERRORISMO. JÁ ESTANDO CAPITULADOS NO CÓDIGO PENAL OS ASSASSINATOS E VANDALISMO DE QUALQUER NATUREZA E ENVERGADURA, MANIFESTAÇÕES QUE ULTRAPASSEM O ENVIO DE CORRESPONDÊNCIA À SEÇÃO “CARTA DOS LEITORES” SÓ TERMINARÃO PACIFICAMENTE SE ASSIM O PERMITIREM OS CAVALOS OU OS CACETETES E BOMBAS POLICIAIS. TRATA-SE DE LEI VIRA-LATA, SUBMISSA AO ATO PATRIÓTICO DOS ESTADOS UNIDOS, SEM A DIGNIDADE DA ARROGÂNCIA IMPERIAL DESTES, E NADA ALÉM DE ABJETA SERVIDÃO VOLUNTÁRIA.

DEPOIS DA SÔFREGA ASSINATURA DO TRATADO DE (NÃO) PROLIFERAÇÃO NUCLEAR POR FERNANDO HENRIQUE CARDOSO, ESTE SERÁ O SEGUNDO CALABAR DA HISTÓRIA BRASILEIRA CONTEMPORÂNEA.

REFERENDO! REFERENDO! REFERENDO! REFERENDO! REFERENDO!

Compartilhe e Curta
RSS
Siga via E-mail
Facebook0
Google+
http://insightnet.com.br/segundaopiniao/?p=227
Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *